Depois de duas semanas consegui finalmente matar a minha curiosidade (e ansiedade) e assistir Animais Fantásticos e Onde Habitam no final de semana passado. As minhas expectativas já estavam bem grandes com relação ao filme, por causa dos trailers maravilhosos que já haviam saído e principalmente pelas críticas muito boas que foram divulgadas logo após a estreia. E em minha humilde opinião, não teria como ter sido melhor! J.K. Rowling arrasou mais uma vez.
Já fui preparada com dois sacos de pipoca (um doce e outro salgado, porque eu me namorado temos um gosto um pouquinho diferente) e 1L de refrigerante, tudo isso pra curtir duas horas inteiras de pura magia. 
O excêntrico magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) chega à cidade de Nova York levando com muito zelo sua preciosa maleta, um objeto mágico onde ele carrega fantásticos animais do mundo da magia que coletou durante suas viagens. Em meio a comunidade bruxa norte-americana, que teme muito mais a exposição aos trouxas do que os ingleses, Newt precisará usar todas as suas habilidades e conhecimentos para capturar uma variedade de criaturas que acabam fugindo. Fonte: AdoroCinema.
Incrível. É só isso que eu tenho a dizer. Newt Scamander me conquistou desde a primeira cena, com seu jeito simples e carismático. Não é à toa que o Eddie Redmayne se tornou um dos meus atores favoritos dos últimos tempos, o cara interpreta de corpo e alma cada personagem que faz. Mas para mim, Jacob e Queenie foram os melhores e ganharam meu coração! O Jacob é o trouxa com o coração mais mágico de toda a história. E a Queenie com seu charme e doçura foi a coisa mais fofa do filme.
Essa foi uma resenha bem curtinha até porque quase todo mundo já assistiu ao filme, afinal não tinha como perder. Fiquei muito feliz por ter superado as minhas expectativas e agora só nos resta esperar o próximo filme. Enquanto isso, bora rever mais algumas vezes hahaha Deixe nos comentários a sua opinião!

No último sábado fui com meus pais e namorado dar uma volta no shopping, e aproveitei para levar minha câmera (pensei que já ia ter decoração natalina, mas ainda não). Coisa que eu não fazia há bastante tempo. O tempo tava uma delícia, quente, do jeito que eu gosto. Aproveitei então para tirar umas fotinhos aleatórias mesmo, inclusive em um local espeícifico para tirar fotos no mini parque Snowland que tem dentro do shopping mesmo.

Que eu assisto quase todas as séries da Netflix isso já não é novidade, mas agora a evolução foi o vício em um reality japonês! Por essa nem eu esperava. Já tinha ouvido falar desse reality por causa de um canal no Youtube de uma menina que vive no Japão, e ela super recomendou afirmando que é muito melhor que esses realities, como por exemplo, Big Brother, A Fazenda e etc., onde o foco é intriga, falsidade e mau caratismo. E tudo isso para ganhar o prêmio final que é aquela bolada de mais de um milhão de reais. Mas Terrace House veio para aquecer nossos corações e desejar participar lá na casa junto com eles! 
Terrace House: Boys & Girls in the City (テラスハウス) é um reality show sem roteiro onde seis estranhos vão morar juntos em uma luxuosa casa. Além do local onde eles irão viver, eles também recebem um carro para utilizar durante o programa. Basicamente o foco do reality são as interações entre as pessoas: como se comportam, como levam suas vidas, e claro, os possíveis relacionamentos que podem surgir entre eles. Um reality show que mostra a cultura japonesa atual. Fonte: Filmow.
Acho que só pela sinopse já dá pra perceber a grande diferença de Terrace House dos outros realities, né? Não existe um prêmio para os participantes que ficarem até o final, todos estão lá por razões que variam desde se divertir até arranjar um(a) namorado(a). Outro diferencial é que os participantes são apenas moradores da casa, não estão confinados. Ou seja, a vida que eles têm do lado de fora, família, amigos, trabalho, estudos, tudo continua e eles estão liberados para sair com os próprios participantes ou com seus amigos de fora. Com certeza essa é a principal razão por não ocorrer aqueles barracos que acontecem quando os participantes são confinados durante meses sem contato com o mundo exterior. Por eles não estarem confinados e por não ter aquela pressão de ficar até o fim do programa, o participante que desejar sair antes do final do programa será substituído logo em seguida por um novo, sem prejudicar o andamento.
O reality é incrível e passa a imagem de ser muito mais "real" do que os que estamos acostumados a ver. Sem contar que a cultura deles é muito diferente da nossa em várias aspectos, e isso só torna mais interessante de acompanhar. Até então eu tive já alguns participantes favoritos e que eu fico torcendo para que permaneçam até o fim, o que não foi o caso da Mizuki, que já saiu. No momento estou adorando a Arisa e o Hikaru, que a propósito é mestiço (japonês e italiano) e nasceu aqui no Brasil. Mas como ainda não terminei de assistir, não sei até quando eles serão os meus favoritos.

Outra coisa muito legal e que deixa o programa divertido são os apresentadores. Eles são pessoas conhecidas lá no Japão por trabalharem com entretenimento, e sinceramente se não fosse por eles o programa não seria tão legal quanto é. Durante os episódios eles tem espaço para comentarem sobre o que está acontecendo e não tem como não dar risada com os comentários.

Acho que deu pra entender um pouquinho de como é né? Mais alguém assiste ou ficou interessado? Me conta nos comentários!

Primeiramente, gostaria de dizer que: É BEDA! Não irei fazer posts todos os dias porque minha sanidade não permite isso. Mas, me comprometo em manter uma frequência de posts bem bacana. Dando início aos trabalhos, trouxe uma das coisas que eu mais gosto de fazer: listas. Essa eu vi lá no blog DeClara, e nada mais é do que fazer uma lista com 40 coisas à serem feitas em 100 dias. É tudo bonitinho, divido por categorias. O projeto vai começar hoje, dia 10 de agosto e será finalizado no dia 18 de novembro. Espero que até lá eu já tenha riscado todos os itens da lista!
UM CONTO SEM PONTO (BLOG)
01. Manter a frequência de postagens de duas à três vezes por semana.
02. Fazer mais posts com imagens de minha autoria.
03. Arrumar a logo do blog.
04. Divulgar mais o blog.
05. Me comprometer com os projetos.

ESTUDOS & CULTURA
06. Me dedicar mais aos estudos.
07. Usar a técnica Pomodoro para estudar.
08. Manter meus trabalhos em dia (sem deixar para fazer no último dia do prazo).
09. Ler pelo menos mais 5 livros.
10. Ir a pelo menos um show.
11. Organizar minha vida acadêmica com a coordenadora.
12. Escolher a orientadora pro meu TCC.

EXPLORAR
13. Organizar com antecedência uma viagem para as férias de verão.
14. Conhecer o Templo budista em Três Coroas.
15. Ir à Gramado (de preferência para ver o Natal Luz).
16. Ir na Reserva Ecológica Família Lima
17. Conhecer o restaurante Paris 6.
18. Conhecer a cafeteria Red Velvet Bakery.

ROTINA, BELEZA & SAÚDE
19. Consultar a dermatologista.
20. Começar a fazer academia.
21. Comer de três em três horas.
22. Comer mais frutas.
23. Beber mais água.
24. Manter meu quarto organizado.
25. Acordar mais cedo para não me atrasar.
26. Fazer clareamento dental.
27. Cortar meu cabelo.
28. Comer menos chocolate.

FAMÍLIA, AMIGOS, SOCIAL & GENTILEZAS
29. Encontrar mais os amigos verdadeiros.
30. Cozinhar para a família pelo menos uma vez por mês.
31. Valorizar mais aqueles que estão verdadeiramente ao meu lado.

OUTROS
32. Me organizar financeiramente para tirar minha carteira de motorista no final do ano.
33. Guardar dinheiro para as férias.
34. Fotografar mais, mesmo que coisas "pequenas".
35. Ser fotografada pelo menos uma vez.
36. Praticar o consumo consciente.
37. Reclamar menos.
38. Gastar menos dinheiro com "bobagens".

Conforme eu for fazendo as coisas eu irei riscando aqui na listinha, então vou deixar esse post fixo lá no menu do blog para aqueles que quiserem acompanhar meu comprometimento hahaha. Aproveitem e façam as suas listinhas também!